[FP] Moonstad, Frannie

Ir em baixo

[FP] Moonstad, Frannie

Mensagem por Frannie K. Moonstad em Sex Dez 20, 2013 8:02 am



francis kovalek moonstad
Apelidos:
Frannie, Fran, Cis

Aniversário:
04/06

Idade:
17 anos de vida

Local de Nascimento:
Düsseldorf, Alemanha

Orientação Sexual:
Heterossexual

Grupo:
Dupla Personalidade; Drogados

Photoplayer:
Emma Stone

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Personalidade & Aparência
Fisicamente, Frannie é assustadoramente angelical. Nasceu ruiva, mas Heather insiste que ela fica mais bonita com cachos dourados. Possui olhos orbitais de cor esverdeada, maiores que os da maioria da população, o que para qualquer um, é um incômodo encará-la. No rosto estão presentes sardas e Fran é dona de lábios finos e sem muita expressão. Já psicologicamente, é difícil descrevê-la. Quando solicitada a falar sobre si, ela passa a maior parte do tempo falando o quanto Heather é um exemplo a ser seguido, superestimando a outra personalidade como se não houvessem limites para sua perfeição, e faz sentido até. Heather é o típico estereótipo da garota adolescente: popular, pansexual, mas principalmente, drogada. Ela adora fumar, inalar, injetar e afins. Já Francis é apenas uma louca da mente conturbada, que se diverte com a desgraça e tristeza dos outros, mas nunca chegou ao ponto de perder o controle e fazer algo realmente prejudicial a alguém (enfiar agulhas em cachorros, chacoalhar pássaros até a morte e empurrar o irmão da escada não contam, certo?). Para seus pais, Heather era uma amiga da escola pela qual Francis estava apaixonada e criava a ilusão de uma relação homossexual, mas não. Heather está mais para alguém a ser idolatrado. Apesar disso, Fran é hetero (pelo menos até Heather pedir o contrário).
História

Francis é uma garota conturbada, e disso até a vizinha dona dos mil gatos já sabe. O estranho é que, em seu dia-a-dia, nada servira como um catalisador para torná-la desta forma. Tem pais perfeitos, irmão perfeito e um cachorro labrador chamado Buttercup. No entanto, ela é a ovelha negra (ou talvez Heather seja, quem sabe?). Aos sete anos, Fran começou a apresentar distúrbios físicos e emocionais, como por exemplo, contar quantas vezes seu irmão Peter era capaz de rolar da escada sem que ela o "ajudasse". Era louca, assustadora e achava graça de tudo aquilo que a maioria das pessoas sente repulsa/medo/pena de ver. Fora arrastada para infinitas terapias quando seus pais por fim resolveram trancá-la no porão, chegando ao ápice do desespero por não saber mais o que fazer, e isto aconteceu quando Frannie chegara aos doze anos. A sociedade não precisava de alguém como ela, estavam muito bem com sua ausência. E, talvez, trancá-la tenha sido o pior erro.
Foi no porão que a garota conheceu quem talvez se tornasse sua prioridade: Heather. Alguém dentro de si que era mais relaxada, divertida e sociável. Alguém que a incentivou a abrir a mala escura de couro do pai, que ficava num canto próximo à uma janela minúscula. Aquilo era cocaína? Oh, isso é bom, ela pensou, vingativa. O que seria do respeitável Sr. Moonstad sem seu precioso pó? Francis não era muito fã de drogas, mas por Heather ser talvez a única pessoa próxima dela no momento, a garota consumiu todo o conteúdo do malão em apenas um dia, tendo uma tremenda sorte da overdose não ter aparecido no porão naquela noite. É claro que o pai não gostou nada e a garota ficara marcada em quase todo o corpo pela fivela do cinto acobreado, mas ela apanhava sorrindo. Sorrindo por saber que, com Heather, a situação do jogo se invertera. Que diferença fariam as drogas, se o corpo dela já estava empobrecido? Juntas, elas podiam ser geniais. Podiam ser mais que qualquer outra pessoa. Podiam ser... uma Francis. Melhorada, evoluída e sem medo de fazer as coisas que sempre quisera fazer e sua pequena linha de senso ainda tentava impedi-la. O problema é que Heather é quase uma alfa. É divertido para Francis, mas um tanto difícil controlar a amiga. Parece que a sanidade passou longe de Düsseldorf quando a encrenca dos cabelos loiros nasceu. De qualquer forma, no dia que Francis arrebentou a porta do porão e apareceu nua na cozinha bem no meio do jantar em homenagem à sua mãe, que agora era presidente da empresa, todos acharam que sim, a situação já estava longe demais. Nem os confins da casa foram o suficiente para fazê-la mudar, então talvez uma clínica especializada nisso poderia fazer o serviço. Para muitos, aquela foi apenas uma tentativa da família Moonstad se livrar daquele câncer que era sua filha, cedo o suficiente para não dar-lhe a liberdade de matar alguém. Se nem o Infinity Institude der jeito nela, uma lobotomia foi autorizada por seus pais no contrato de internação. Ei pai, acho que foi longe demais, ela sorriu maliciosamente, dando as costas às duas pessoas que a criaram e adentrando no Instituto acompanhada de dois guardas ao seu lado para controlá-la caso ela procurasse... problemas.

dany. 17. mp.
avatar
Frannie K. Moonstad
Dupla personalidade
Dupla personalidade

Mensagens : 3
Data de inscrição : 20/12/2013
Idade : 22
Localização : Before: Düsseldorf, Alemanha / Now: Infinity Institute

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [FP] Moonstad, Frannie

Mensagem por Ivy M. Schaefer em Sex Dez 20, 2013 6:57 pm


ficha aceita

Seja bem-vinda ao instituto, meu bem. Dúvidas, MP à qualquer membro da staff.

Btw, esse template adorável foi feito por [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] do fórum ops!


[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
SCHIZOPHRENIC AND SOCIOPATH ❥ 16 YEARS ❥ PRINCESS OF HELL  // MOZI DA JUBS ❥
avatar
Ivy M. Schaefer
Psicopatas
Psicopatas

Mensagens : 141
Data de inscrição : 13/02/2013
Idade : 20
Localização : Boston/MA

Ficha do personagem
Inventário:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum